...E o assunto adoção

Categorias , Postado por Maria Livia às 9/07/2011
Nossa, que correria!!! Ainda na adaptação com minha filhinha de 4 patas. Cobasi, veterinário, remédios, cocôs e xixis pela casa...ufa! Além, é claro de brincar com ela. Mas está sendo compensador. Ela é uma fofa. Já até aprendeu a sentar, qd peço. Ela presta muita atenção ao que estou falando, me olha nos olhos, é impressionante. Incrível como em apenas 4 dias já sinto tanto carinho por este serzinho! O fato é que por estes motivos, não conseguia arranjar tempo pra entrar no blog. Nem no meu nem no das minhas amigas... Mas hj estou aqui, querendo compartilhar umas coisinhas.
Bom, ontem finalmente dei entrada no processo de adoção, U-HU!!! Estou muito feliz com isso. Me informaramque entre 1,5 a 2 meses vão nos chamar para a primeira entrevista, ui!!!
No domingo fui a reunião do GAASP (Grupo de Apoio à Adoção de São Paulo). Gostei bastante. Primeiro me pediram para preencher uma ficha e uma voluntária veio conversar comigo (meu marido não foi pois teve a prova da segunda fase do Ministério publico no mesmo dia e horário...). A conversa foi tranquila sobre minhas expectativas em relação ao grupo, perfil da criança que a gente tem em mente no momento (apenas para fins estatísticos) e outras coisinhas.
Depois passamos para uma outra sala onde teve uma palestra. O tema deste mês foi Revelação (a busca das origens). A palestrante é psicologa do Fórum de Pinheiros e professora no Mackenzie. A reunião correu super bem, muito interessante e me senti a vontade, pertencendo ao lugar, ao tema. Não estava numas de "Qui quieu to fazendo aqui?".
Já que estava me sentindo assim tão à vontade, decidi ir conversar com a psicóloga depois da palestra. 
Parênteses: minha amiga Ane já havia me dito que, num processo de habilitação para adoção, algumas psicólogas não tem uma avaliação muito positiva de um casal que ainda está fazendo tratamento para engravidar.
Expûs bem resumidamente minha história. Sempre tive vontade de ter um filho biológico e um adotado, mas achava que o biológico viria primeiro. Infelizmente está demorando e resolvemos, então, dar andamento à adoção. Porém vou continuar a fazer ttos para engravidar. E perguntei como isso era visto pelos profissionais do fórum.
Ela me disse que lá em Pinheiros inclusive tem um casal que está passando pelo processo de habilitação e vai fazer uma FIV neste mês de setembro.  Uma entrevista já foi feita e a outra, devido ao tto, ela achou melhor marcar só em outubro. Até aí, tudo bem. estava adorando a opinião dela, "que mulher sensível!" eu pensei. Mas aí ela continuou: "Acho que eles ainda tem algumas questões a serem resolvidas, por que ainda é tão importante ter um filho biológico?" falou que essa era a opinião dela, mas cada profissional vê de um jeito, quis saber a qual fórum eu pertencia e foi saindo fora do assunto.
Eu que estava tão contente, de repente, fui ficando tão chateada e não consegui identificar de imediato o que havia me incomodado, pois ela disse de uma forma muito sutil.
Depois percebi que, na verdade, era como se eu sentisse que ela estivesse duvidando da legitimidade do meu desejo de adotar. "Por que ainda é tão importante ter um filho biológico?" Será que tem como colocar isso em palavras? Uma coisa desmerece a outra?Tenho que desitir de gerar pra estar apta pra adotar? Fiquei revoltada com a atitude uma PSICÓLOGA e MULHER.
Sei que há casos em que depois de engravidar, a mulher que adotou acaba fazendo diferença entre os dois filhos. Mas isso deve ser analisado caso a caso. Afinal as avaliações são para isso, não são? Quantas nem têm filho biológico e, mesmo assim devolvem a criança? Então o problema não está em querer gerar.
Conversei com uma amiga e tb com meu marido e chegamos a conclusão de que eles estão querendo que a gente omita este detalhe do tto. Não gosto disso, pois tenho medo de cair em contradições, mas o que fazer?
Queria muito dividir isso com vcs, mas não tive tempo antes. Alguém que está fazendo FIV já passou por entrevista para adoção? O que disse? 

12 comentários:

rosana on 9/07/2011 disse... [Responder Comentário]

oi querida...isto sim é um lindo gesto de amor...e eu sei bem disto...pois cresci rodeada de crianças que eram maltratadas pelos pais....meu pai cuidava de um orfanato...e vi isto de perto....eu ja passei pelo processo da entrevista com assistente social...se prepara bem,pois eles vasculham a sua vida inteira....ainda não fui chamada...mas ja visitei varios...orfanatos...sai com meu coração arradada ...da..uma dó....mas espero...pelo SEnhor meu milagre....bjinhos adorei te conhecer....bom feriado.....e vamos tricotar heim....eu comecei com o cachecol...e depois fui pro saptinho e assim vc vai caminhando....vc viu meus trabalhos???..da uma olhadinha...bjinhos fik na paz....ainda vamos rir muito de td isto....

Lilica on 9/07/2011 disse... [Responder Comentário]

Oi, querida!!

Que bom!! Estou na torcida para que tudo dê certo pra você.

Se vc sentir no seu ♥ que não deve omitir, omita. Explique que você, além de querer ser mãe, (óbvio) quer se sentir capaz de gerar, de estar grávida... Explique tbm que sempre foi seu sonho ter um filho de ♥ e outro de "barriga".

Até porque já vi muuitos casos que, quando o casal adota uma criança, a mulher fica tão desencanada e feliz que engravida!!

Sem contar que é um ato de amor, de devoção e dedicação...

Essa psicóloga não sabe o que está dizendo. Tomara que seja só a opinião dela.

Beijo, bom feriado!!

Ane on 9/07/2011 disse... [Responder Comentário]

Amiga, é muito complicado a pessoa querer te julgar por um tratamento de fertilidade, e vc disse tudo, isso não anula o fato de querer adotar. Faça o que estiver no seu coração! E uma coisa não exclui a outra, não entendo sinceramente porque essa exclusão... filho é filho, e uma gravidez não substitui o amor pelo filho do coração... pelo contrário, cada um é único e será amado por isso! Vá em frente, apesar dessa sensação horrível de ter a sua capacidade de ser mãe ser avaliada.
Beijos

Ane on 9/07/2011 disse... [Responder Comentário]

E digo mais, com apenas uma entrevista E IMPOSSÍVEL fazer uma avaliação psicológica decente, sobre as "motivações inconscientes que levam à adoção", se o Estado fizesse uma avaliação bem feita, não haveria tanta devolução. Como eu te disse, eles só não habilitam por questões graves, casais que demonstram desinteresse...levam mais de 1 ano para fazer o curso... fique tranquila, vai correr tudo bem!
Beijos de novo

Dalila on 9/07/2011 disse... [Responder Comentário]

Oi girl,
Quando eu passei pela entrevista, falei: já fiz duas FIV que não deram certo. Optamos pela adoção.
Sinceramente, não é da conta delas o que vamos fazer. Se optamos pela adoção significa que queremos um bebê adotado, sem significar que então sou obrigada a fazer laqueadura para merecer o bebê.
No mais, as entrevistas e a falta de tato e educação do pessoal envolvido em adoção esta me tirando do sério. Portanto, no dia, simplesmente não mencione que vc ainda fará mais tratamentos. Do jeito que esta hoje, pode ser um complicador para ti...

chaverdecomlimao on 9/07/2011 disse... [Responder Comentário]

Amiga, vai dar tudo certo! Pensamento positivo. O que importa é que você e seu marido querem muito, independente que seja biológico ou adotivo! E isso é algo que transparece quando realmente queremos.
Quanto a Eva, que bom que você está gostando da companhia dela e estão se dando bem! Relamente, são muito companheiras!
Beijos e na torcida pela TEC e pela adoção!

Didi disse... [Responder Comentário]

Nooossa Livia, qual o nome dela? Que absurdo! O pior é que pertenço a esta vara ... affff. Não entendi essa, é preconceito contra os filhos biológicos??? eu hein?!?! Tantas pessoas tem os dois que ridícula a pergunta. Será que vamos precisar omitir o desejo de gerar um filho, para poder adotar??? ahhhh...afff..
Um bju
Didi

Edi on 9/08/2011 disse... [Responder Comentário]

Não tem jeito sempre há barreiras e dificuldade quando o assunto é "filhos", mas torço para que tudo dê certo viu.

Um Grande Beijo

Tatiana Bonotto Cake Designer on 9/11/2011 disse... [Responder Comentário]

Olá, estou passando por aqui, para convidar você para conhecer meu DOCE blog.

Quando puder passe por lá, vai ser prazer ter sua companhia.

www.tatidesigner.blogspot.com

Futuros Papai e Mamãe on 9/14/2011 disse... [Responder Comentário]

Oie querida..
Fiquei encantada com teu cantinho e como também tentante gostaria muito de fazer parte de seu grupo de amigas tentantes..

Estou te seguindo ;*

Rose on 9/14/2011 disse... [Responder Comentário]

É isso amiga....enquanto Deus não nos da a senha do sim....amem!
Vamos lutando...e perseverando né?!
Bjokinhas viu...estava com saudades....

Rose on 9/16/2011 disse... [Responder Comentário]

Nossa Livia não sabia que vc teve uma gravidez bioquímica.....me fala como é isso.....ja ouvi falar, mas nunca entendi.

Bjuss

Deixe aqui seu pitaco!