Confissão

Categorias , Postado por Maria Livia às 9/16/2011
Ai, meninas, preciso me confessar. Estou me sentindo horrível. Não sei se vcs se lembram, mas faz uns meses, fiquei sabendo de um casal de amigos suuuuper próximos que se descobriram grávidos de 3 meses. Detalhe: eles nem estavam querendo. Fiquei super mal, um dos poucos casais sem filhos pra gente sair e viajar estava nos abandonando...(pelo menos foi assim que a doida aqui processou a informação). Bom, os meses se passaram e eu consegui não sair com eles nenhuma vez, mas agora a menina nasceu....e prematura. Meu marido que tem ligado sempre e conversado com o pai da criança. E eu nada...Bom, hj, ficamos sabendo que ela é especial. Fiquei péssima por ter sentido tanta inveja. Eles descobriram isso no quarto mês de gestação. Imagina a dor que deve ter sido. E eu não estava lá para dar um ombro. Estava no meu mundinho, fechada, sentindo uma baita inveja. Pior, agora que sei disso, a inveja passou. Agora que vi que como as coisas estão, não sinto mais vontade de estar no lugar dela. Me sinto um lixo...
Outra coisa, minha M está quase vindo, começou aquela borrinha chata...É para eu começar a TEC, mas estou indecisa...Não estou empolgada para fazer tto. Sei que a TEC é bem mais sussa, mas a espera do beta é a mesma. Tá tão gostosinho assim...dá uma preguicinha de voltar. Resumo da ópera: não sei o que fazer. Conversei com o meu marido e ele foi muito prático: "Se vc não está com vontade de fazer, não faça." Eu respondi que é exatamente este o problema: Eu não sei se estou com vontade. Se eu tivesse certeza de não querer, eu não faria.
Fico pensando se é bom começar um tto assim. O quanto isso influencia no resultado. Tb já comecei ttos tão positiva e não deu em nada....affffffff. Essa vida de fivete cansa!!!
No meio desta tormenta, tem algo que está me fazendo muito bem:
Um ótimo final de semana a todas.

17 comentários:

chaverdecomlimao on 9/16/2011 disse... [Responder Comentário]

Primeiro, a Eva está linda, uma graça! Parabéns!
Amiga, faz o que teu coração manda, pede. Se não está a fim, espera mais um pouco... curte tua cachorrinha...
E eu acho que isso que você está sentindo não é algo tão isolado não. Muita gente como a gente sente isso. Não se culpe. A culpa é a pior das traidoras. Como eu disse, faça o que você acha que tem que fazer... conversar, desabafar, visitar a criança, não visitar... Agora já foi!
Beijo grande e fique bem!
Bibi.

Rose on 9/16/2011 disse... [Responder Comentário]

Eu imagino....como vc se sente....acho q eu tbm me sentiria assim...Ser humano amiga....somos falhos...não se culpe.
Mas me diz uma coisa....quantos anos tem essa sua amiga? E quanto a bebe ser especial... vc vai ver, ela vai tirar de letra, porque eles podem ser especiais....mas são normais....e dependendo da deficiência. teram uma vida normal.
Bjos em vc, e na sua amiga...q deve estar tadinha....numa situação....
Ahhh sua filhinha de patas esta lindaaa!!!
E quanto ao tratamento...vai de vagar amiga...deixa a vida te levar...rsrs Ja q ainda não se decidiu....

Bjokas

Val on 9/16/2011 disse... [Responder Comentário]

Oi Maria Lívia, estava com saudades dos seus posts, só te via no meu blog...rs essa dependência...neh...acho q preciso fazer uma rehab de blog...rs
Qto a esse sentimento lembre-se que é humana, é que isso acontece com várias pessoas é involuntário até, nao se sinta um lixo, pois vc não é...A sua bb de patas está uma coisa...parabéns...qto ao tto, faça o que seu coração manda ele é soberano...fique bem, qualquer coisa me escreva...grande beijo...

Val on 9/16/2011 disse... [Responder Comentário]

Oi Maria Lívia, a Tati bloqueou o blog dela, sabe se aconteceu algo, fiquei preocupada...tomara que não seja nada...se souber de algo me fale...grande beijo e bom findi

Maria Livia on 9/16/2011 disse... [Responder Comentário]

Meninas, obrigada pelo apoio. Me sinto melhor em ouvir que não sou uma aberração, rs.
Val, qto ao blog da Tati, tb achei achei estranho, mas depois me lembrei que ela estava pensando em colocar um template novo. Acredito que as modificações devam estar sendo feitas.
Bjks.

Ane on 9/16/2011 disse... [Responder Comentário]

Amiga, sabe o que eu acho importante? Conseguir enxergar essas emoções... não somos pessoas ruins, apenas humanas! E quanto a TEC, se não quer fazer, não faça!!! Acho que não é nem questão de positividade ou negatividade, é questão de não querer se desgastar por enquanto. Se fortaleça um pouco mais, tente se ouvir!
E a Eva é a coisa mais linda do mundo!!!!

Didi disse... [Responder Comentário]

Oi M Lívia!!!
Minha amiga não se culpe... é um sentimento natural este. Todos nós nos sentimos assim, talvez o que seja pior, é ver uma situação triste de um colega nosso e ficar indiferente a isso. Portanto não se sinta um lixo, pois vc é uma pessoa linda e vai saber confortar seus amigos. Mas sem culpa hein?
Beijos colridos
Didi

Dalila on 9/18/2011 disse... [Responder Comentário]

Menina, esse sentimento que temos é sempre uma frustração em relação ao nosso problema, vc não desejou mal para ela, só se sentiu triste por não ter o mesmo. Isso não faz vc um ser humano ruim. E sabe, nada é influenciado por nossos sentimentos, cada um passa pelas coisas que tem que passar, independentemente de estarmos por perto ou não.
É difícil passarmos pela luta da infertilidade e assistirmos pessoas à nossa volta tendo seus bebês sem desejá-los. Isso passa com o tempo, mas é difícil passar por isso enquanto as feridas estão à flor da pele.
Ninguém sabe o que nos reserva. Com um filho muitas vezes vêm problemas sérios, malformações, deficiências... Ou filhos com saúde, mas que no futuro nos trazem coisas tristes e pesadas para enfrentar. Ou nada disso, enfim, cada um tem seu caminho, suas dores e suas tristezas para trilhar. Não podemos mudar as nossas, nem ajudar nas demais. Podemos apenas estar ao lado quando a pessoa precisar. Acho que é a única coisa que temos de missão nesse mundo aqui: ajudar as pessoas que podemos ajudar. Com uma palavra, um apoio, um conselho, ou só com o ombro mesmo.
Até aqui, nesse nosso mundo artificial encontramos amigas que nos apóiam, que riem conosco, nos incentivam e nos ajudam a ver que nenhum problema é grande demais que uma pequena palavra não ajude.
Não se sinta mal. Era como vc estava, naquele momento. Agora ela precisa de apoio por outro motivo e vc pode ajudar e assim se sentir melhor (mesmo não tendo motivo para se sentir mal, sério).
Mil beijos, boa semana!

Dinha on 9/19/2011 disse... [Responder Comentário]

Vou expor o que eu sinto quando fico sabendo que alguém está grávida, fico triste por mim, porque ainda não chegou a minha vez, mas super feliz pela pessoa, esta tristeza dura pouco tempo.
O que me deixa mais triste as pessoas esconderem de mim, não falar sobre a gravidez, sobre o bebê, ai sim eu fico me sentindo um monstro.
Eu gosto de saber, de pegar o bebezinho no colo, de curtir mesmo não sendo meu.
Sei lá cada pessoa reage de un jeito, somos humanos em desenvolvimento.
um beijo

Mônica on 9/21/2011 disse... [Responder Comentário]

Oi Maria, tb sou tentante passei pelo seu blog e me identifiquei com ele... tb estou passando por uma situação assim aqui no meu trabalho, todas que quiseram e até as que não quiseram engravidaram e eu tb estou com esses sentimentos ruins no coração... tenho rezado muito... acredito que no final nós tb teremos nossos bbzinhos e nem lembraremos de todas as dores que estamos sentindo agora...
força...

Tati on 9/21/2011 disse... [Responder Comentário]

Livia , é normal sentir essas coisas...vc é humana.
Não se culpe não...mesmo pq vc nao desejou mal algum para nenhum deles , principalmente para o bebe.

Ai Livia , fiquei tão feliz com o resultado do blog.A Dani é mesmo demais.
Então quer dizer que vc desconfiou?rs
E eu nunca imaginei que fossem "perceber" tanto assim minha ausencia...rs
Um grande beijo Livia

Rose on 9/22/2011 disse... [Responder Comentário]

Aiaiai q ela some e me deixa nivosa viu!!!
Kd vc Maria Olivia!!! Rhumn!!!!


Bjokinhas

"SONHANDO MAIS UMA VEZ" on 9/22/2011 disse... [Responder Comentário]

Oi linda
adorei o seu cantinho, muito fofo...
Li a sua historia amiga, imagino que realmente não seja nada fácil.
Mas nunca podemos perder a confiança de que em algum momento Deus vai nos conceder a realização do nosso sonho.
Eu já to te seguindo por aqui, quero saber sempre das novidades...

Bjks
Aguardo a sua visita no meu cantinho vou adorar te ver por lá!

Futuros Papai e Mamãe on 9/23/2011 disse... [Responder Comentário]

As vezes a nossa vontade de ser mãe é tão grande que fazemos e pensamos coisas feias, porém isso não nos torna alguém ruim, pois reconhecemos nos erros e essa e a grande diferença!

Beijo grande!

Glauce on 9/28/2011 disse... [Responder Comentário]

Olá encontrei seu blog por acaso,e já tô lendo ele todo..ADOREIII..tenha fé, sua gravidez logo virá..serei tentante no inicio de 2012, espero q seja rápido, para isso tô cuidando da saúde e emagrecendo para ter uma gravidez tranquila.. APAIXONADA PELA EVA e por sua atitude de adotar uma vira-lata abandonada..essa é minha campanha de vida "Não compre, adote"..vc vai ver eles são anjos de 4 patas q Deus coloca nas nossas vidas.. tenho só 3 vira-latas adotados..AMO D+.. DÁ UM PASSADINHA LÁ NO MEU BLOG DEPOIS, JÁ TÔ TE SEGUINDO..BJSSSS

Elaine Dacoregio on 11/19/2011 disse... [Responder Comentário]

Oi, acabei de conhecer teu cantinho e adorei ler teus textos, tenha fé que a tua bençao vai chegar.
Dá uma passadinha lá no meu blog, vou adorar a visita:
http://meusfilhosmeumaiorpresente.blogspot.com

Mariliz on 11/28/2011 disse... [Responder Comentário]

Maria Livia, nós temos a nossa pequenez.
Somos humanos e sei como você se sente em relação a inveja.
Eu sempre digo que com essa história de querer ser mãe, me tornei uma pessoa pior, porque comecei a ter inveja das pessoas grávidas.
Sei como é, porque não consegui ir no chá de bebê de algumas colegas por conta desse sentimento.
Mas sinto muito pelo seu casal de amigos. Que triste, mas pelo visto você é espírita como eu, e sabe que essas coisas acontecem por um motivo.
E podem acontecer com a gente.
Agora é hora de tirar o atraso e dar todo amor e suporte para esse casal, é o que eu acho.

Um beijo.

Deixe aqui seu pitaco!